<<< Ta ficando velho... Hein!!! <<< Meu Amigo(a), você que fez parte da geração anos 2000, 90, 80, 70... não deixe que nossas lembranças sejam esquecidas!!! <<< Indique/Recomende este Site para seus Amigos(as), e deixe que eles também voltem ao passado e se divirtam!!! <<< Participe de nosso Fórum de discussão, em nosso Site/Comunidade no Facebook postando suas fotos e vamos relembrar, com outros internautas, nossas lembranças!!! <<< Assine também nosso Livro de Visitas e deixe seu Recado. <<< BOA NAVEGAÇÂO !!!

Vamos relembrar: Armação Ilimitada, Agente G, Arca de Noé, Arrelia, Balão Mágico, Bambalalão, Bozo, Capitão Furacão, Casa de Brinquedo, Capitão Aza, Cocoricó, Cometa Alegria, Curumim, Crush, Comandos em Ação, Circo Bombril, Do Ré Mi Fá Sol Lá Simony, Domingo no Parque, Doutor Cacareco, Falcon, Fuzarca & Torresmo, Garoto Juca, Gente Inocente, Gincana Kibon, Globinho, Globo Cor Especial, Gurilândia, Propaganda do " meu 1º sutiã ", Clube da Criança, Pirucóptero, Amendocrem, Biscoitos Monstrinhos Creck, Grupo Metrô, Hugo Game, Ciclone, Magazine, Lupu Limpim Clapla Topo, Mariane, João Penca e seus Miquinhos Amestrados, Ferrugem, Aracy de Almeida, Palhaços Atchim e Espirro, Cometa Halley, Álbuns de figurinhas do Amar é, Revistas de pintar com água, He-man, Thundercats, Viva Noite, Fofão, Jaspion, Changeman, Espectroman, Jiraiya, Sharivan, Sinhozinho Malta, Chips, Filmes do Jerry Lewis, Tênis M2000, Montreal, Ki-Chute, Iate, OP, Cairê, Mini-engradados de Coca Cola, Caloi 10, Canetas de 10 cores, Ferrorama, Autorama, PogoBall, Geleca, Creme Rugol, Loira do banheiro no Colégio, Glub Glub, Plunct Plact Zuum, Rá Tim Bum, Zas-Trás, Topo Gigio, Show Maravilha, Teatrinho Trol, Tia Gladys, Tv Colosso, Uni Duni Tê, Vila Sésamo, Xou da Xuxa, Turma dos Sete, ZYB Bom, etc...

contatootempopassa@gmail.com | facebook.com/otempopassa | instagram.com/otempopassa

1 de jan de 2010


Guerra dos Sexos

Emissora: Tv Globo.
Ano de Produção: de 1983 a 1984 (185 capítulos).
Cores.
Companhias Produtoras: Rede Globo.
Elenco: Fernanda Montenegro, Paulo Autran, Tarcísio Meira, Glória Menezes, Lucélia Santos, Mário Gomes, Maitê Proença, Maria Zilda, Ary Fontoura, Yara Amaral, Herson Capri e José Mayer.

Escrita por Sílvio de Abreu, com a colaboração de Carlos Lombardi, direção de Jorge Fernando e Guel Arraes, sob a supervisão de Paulo Ubiratan e produção de Manoel Alves, estreou no dia 6 de junho de 1983 a telenovela Guerra dos Sexos.
Os primos Charlô (Fernanda Montenegro) e Otávio (Paulo Autran) cresceram juntos, tiveram um romance de adolescência que não deu certo e se detestam. Mas os dois são obrigados a conviver na mesma casa e na mesma empresa por imposição do testamento de um tio milionário. Batalhas diárias mobilizam os dois, assim como os demais personagens, numa verdadeira guerra de sexos.
Charlô propõe a Otávio uma aposta: ela e sua equipe têm 100 dias para elevar os lucros da rede de lojas de roupas herdada, caso contrário, ele passa a ser o único proprietário dos bens. Otávio tem como aliado Felipe (Tarcísio Meira), filho adotivo de Charlô. Ardilosos e trapaceiros, os dois tentam de todo modo impedir o sucesso da concorrente. Ela, por sua vez, conta com o apoio de Vânia (Maria Zilda), seu braço direito na loja, e Roberta (Glória Menezes), viúva do empresário Vitório Leone (Carlos Zara), que deixara a mulher sozinha no comando da fábrica do casal, a Ravello Sports, fornecedora de peças de roupas para as lojas Charlô’s.
As mulheres unem suas forças, estabelecendo inclusive uma regra impedindo-as de se envolverem com homens durante os 100 dias da aposta. Elas não contam, no entanto, com a traição de Carolina (Lucélia Santos), a ambiciosa sobrinha de Roberta, que se envolve com Felipe, obrigando-o a romper com Vânia, com quem ele mantinha um romance secreto. Vânia descobre as más intenções de Carolina e luta para desmascará-la.
Tramas amorosas completam a confusão. Juliana (Maitê Proença), filha de Felipe, apaixona-se por Nando (Mario Gomes), o motorista da família. Ela tem de disputá-lo com Analu (Ângela Figueiredo), que faz loucuras para conquistar o rapaz, chegando a mantê-lo seqüestrado numa ilha deserta. Roberta também se apaixona pelo motorista e, apesar da diferença de idade, luta para conquistá-lo, o que consegue ao final da novela.
Com seduções baratas, mentiras e sabotagens, Otávio e Felipe derrotam as mulheres. Charlô não se conforma e leva a disputa aos tribunais. Nesse momento, Otávio desaparece misteriosamente, entrando em cena Dominguinhos (também Paulo Autran), um primo português de Charlô, que ela confunde com Otávio. Dominguinhos se apaixona pela prima, mas, rejeitado, volta a Portugal. O regresso de Otávio logo em seguida parece confirmar as suspeitas de Charlô. Para surpresa de todos, ao final aparecem Dominguinhos e sua esposa Alta-miranda (também Fernanda Montenegro), reclamando a parte da herança a que tinham direito. As brigas renovam-se, e os quatro por fim destroem a mansão deixada pelo tio falecido.
Com Guerra dos Sexos, Sílvio de Abreu firmou seu estilo de comédia escrachada. A novela pôs em cena dois dos maiores nomes do teatro brasileiro, Fernanda Montenegro e Paulo Autran, vivendo um antagonismo sem tréguas. Tornaram-se antológicas as cenas das brigas entre os dois, no melhor formato pastelão, com direito inclusive a torta na cara. Para implicar um com o outro, eles se tratavam pelos apelidos de Cumbuca e Bimbo, o que detonava novas brigas. Outros dois ícones da televisão brasileira, Tarcísio Meira e Glória Menezes, também protagonizaram cenas hilariantes.
O autor Sílvio de Abreu considera Guerra dos Sexos um marco na teledramaturgia para o horário das 19h. Segundo ele, a partir daí, as novelas dessa faixa ficaram mais lúdicas e divertidas, firmando-se no gênero da comédia, enquanto as tramas das 18h são românticas, e as das 20h são dramas mais fortes.
A narrativa da novela subvertia a linguagem tradicional, ao colocar os personagens comentando os acontecimentos com o telespectador. Nieta (Yara Amaral), por exemplo, comentava com o público, a semelhança entre Felipe e o galã Tarcísio Meira.
A censura impôs mudanças em personagens, diálogos e cenas consideradas imorais, como a seqüência em que Carol vai ao apartamento do conquistador Felipe, ou o comportamento de Vânia e Roberta, considerados demasiadamente liberais. Durante a exibição da novela, Sílvio de Abreu foi constantemente a Brasília discutir os cortes.
Cristina Pereira destacou-se como a cômica personagem Frô, a feiosa funcionária de uma lanchonete que se julgava irresistível. Ao longo da novela, ela sempre se referia a Carlotinha Bimbati, sua amiga fofoqueira. A personagem, no entanto, só apareceu no último capítulo, numa participação especial de Regina Case
A novela teve seu último capítulo exibido no dia 6 de janeiro de 1984, mas foi reapresentada entre janeiro e abril de 1989, numa versão compacta, na faixa de programação Sessão Aventura, às 17h.
Guerra dos Sexos foi vendida para Bolívia, Canadá, Chile, Equador, Espanha, Estados Unidos, Itália, Nicarágua, Paraguai, Peru, Portugal, Republica Dominicana, Uruguai e Venezuela.


Vídeos | Compre o DVD

InfanTV


0 comentários:

Postar um comentário


Ta ficando velho... Hein!!!

Meu Amigo(a), você que fez parte da geração anos 70, 80 e 90, não deixe que nossas lembranças sejam esquecidas!!!

Clique Aqui e Indique/Recomende este Site para seus Amigos(as), e deixe que eles também voltem ao passado e se divirtam!!!

Gostou dessas Lembranças? Então "Clique Aqui" e comente, deixe seu Recado no nosso Livro de Visitas.


Custom Search