<<< Ta ficando velho... Hein!!! <<< Meu Amigo(a), você que fez parte da geração anos 2000, 90, 80, 70... não deixe que nossas lembranças sejam esquecidas!!! <<< Indique/Recomende este Site para seus Amigos(as), e deixe que eles também voltem ao passado e se divirtam!!! <<< Participe de nosso Fórum de discussão, em nosso Site/Comunidade no Facebook postando suas fotos e vamos relembrar, com outros internautas, nossas lembranças!!! <<< Assine também nosso Livro de Visitas e deixe seu Recado. <<< BOA NAVEGAÇÂO !!!

Vamos relembrar: Armação Ilimitada, Agente G, Arca de Noé, Arrelia, Balão Mágico, Bambalalão, Bozo, Capitão Furacão, Casa de Brinquedo, Capitão Aza, Cocoricó, Cometa Alegria, Curumim, Crush, Comandos em Ação, Circo Bombril, Do Ré Mi Fá Sol Lá Simony, Domingo no Parque, Doutor Cacareco, Falcon, Fuzarca & Torresmo, Garoto Juca, Gente Inocente, Gincana Kibon, Globinho, Globo Cor Especial, Gurilândia, Propaganda do " meu 1º sutiã ", Clube da Criança, Pirucóptero, Amendocrem, Biscoitos Monstrinhos Creck, Grupo Metrô, Hugo Game, Ciclone, Magazine, Lupu Limpim Clapla Topo, Mariane, João Penca e seus Miquinhos Amestrados, Ferrugem, Aracy de Almeida, Palhaços Atchim e Espirro, Cometa Halley, Álbuns de figurinhas do Amar é, Revistas de pintar com água, He-man, Thundercats, Viva Noite, Fofão, Jaspion, Changeman, Espectroman, Jiraiya, Sharivan, Sinhozinho Malta, Chips, Filmes do Jerry Lewis, Tênis M2000, Montreal, Ki-Chute, Iate, OP, Cairê, Mini-engradados de Coca Cola, Caloi 10, Canetas de 10 cores, Ferrorama, Autorama, PogoBall, Geleca, Creme Rugol, Loira do banheiro no Colégio, Glub Glub, Plunct Plact Zuum, Rá Tim Bum, Zas-Trás, Topo Gigio, Show Maravilha, Teatrinho Trol, Tia Gladys, Tv Colosso, Uni Duni Tê, Vila Sésamo, Xou da Xuxa, Turma dos Sete, ZYB Bom, etc...

contatootempopassa@gmail.com | facebook.com/otempopassa | instagram.com/otempopassa

1 de jan de 2010


Perdidos no Espaço

Emissora: CBS.
Ano de Produção: de 1965 a 1968 (89 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras: 20th Century Fox e Irwin Allen Productions.
Elenco: Guy Williams, June Lockhart, Mark Goddard, Marta Kristen, Bill Mumy, Angela Cartwright e Jonathan Harris.

Perdidos no Espaço foi criada pelo produtor Irwin Allen, sem muitos recursos, mas, em compensação, muito ricas em imaginação. Quando o esboço do seriado foi apresentado à 20th Century Fox e à rede CBS, os executivos adoraram, pois não havia séries que tratassem desse tipo de assunto na época. Além disso, o fato de botar uma família no espaço era o ideal para atrair um leque bem abrangente de público.
Baseada na história da Família Robinson, do romance "The Swiss Family Robinson", Perdidos no Espaço se passa em 1997 quando a Terra já estaria super povoada e novos mundos deveriam ser colonizados. A família Robinson é a escolhida para uma viagem com duração prevista de 68 anos. Na nave Júpiter II, partiram o professor de astrofísica John Robinson, sua esposa , Maureen Robinson e seus filhos Judy e Penny, e o menino-prodígio Will. Pilotando a nave estava o major Don West, um tampinha metido à valente. Os membros da família ficariam congelados até chegar ao destino se os planos não fossem alterados pelo maligno espião Dr. Smith, que entra escondido na Jupiter 2 para sabotar a missão. Ele reprograma o robô dos Robinson para destruir a família e a nave. O tiro sai pela culatra e Smith acaba ficando preso dentro da nave que parte rumo ao espaço com ele a bordo. O peso extra do intruso faz a Júpiter 2 sair do curso estabelecido inicialmente e ir em direção a uma chuva de meteoros. Com uma tragédia prestes a acontecer, o Dr Smith, no intuito de salvar a própria pele, descongela o major West para que ele dê um jeito na situação. Mas é tarde. A família Robinson, é reanimada e se vê totalmente fora do rumo previsto, ou seja, perdida no espaço, procurando o caminho de volta à Terra.
Embora poucos soubessem ou talvez não se preocupassem com isso, o robô da série, talvez o mais famoso robô já criado até hoje, principalmente por seu alarmante sinal de Perigo! Perigo! - uma marca registrada - era interpretado por um ator fixo: Bob May, o único que não tinha seu nome estampado nos créditos iniciais. May tinha a árdua tarefa de ficar camuflado debaixo de uma pesada roupa durante toda a gravação. O figurino do robô de Perdidos no Espaço foi criado por Robert Kinoshita. Além de ficar com as pernas presas e dar passos pequenos para que o robô parecesse deslizar sobre a superfície, May tinha que ficar meio encurvado para poder ver o caminho por onde deveria passar. A placa na parte superior, que acendia toda a vez que o robô falava, era a mesma que servia de "visor" para o ator ver com quem estava contracenando. Inclusive, a própria luz piscante era acionada por Bob May de dentro da carcaça, sincronizando com a fala do robô. Embora o ator fosse obrigado a decorar todas falas e participar das cenas, era outro ator quem dublava o robô na edição final. O apresentador de programas de rádio, Dick Tufeld, fazia a voz metálica da máquina.
Todo o primeiro ano do seriado foi feito em preto e branco porque o estúdio não queria gastar demais. A família Robinson enfrentava seres espaciais, ameaças alienígenas, além das encrencas criadas pelo Dr. Smith. Tal qual a maior parte dos seriados da época, as histórias terminavam antes do epílogo e no final começava uma outra história que dava gancho para o próximo episódio, uma forma de segurar o espectador. A fórmula deu certo e a receptividade de Perdidos no Espaço foi superior ao esperado pelos produtores.
Com o sucesso, a segunda e a terceira temporada foram produzidas em cores. Neste período, os integrantes da família Robinson deixaram de ser o centro das atenções e todo o enfoque passou para os bizarros seres espaciais e, é claro, o trio Smith-Will-robô. No geral, as histórias ficavam no seguinte esquema: O Dr. Smith arrumava um plano que evidentemente botava em risco toda a família, o menino Will, embora alertado pelo pai para não desobedecê-lo, acabava cedendo aos falsos argumentos do Dr Smith e se dava mal, e o robô acabava entrando no rolo porque, apesar de alertar para o perigo da situação, não era ouvido por ninguém. Além disso, era sempre desligado por Smith depois de ser chamado histericamente de "lata de sardinha enferrujada".
Perdidos no Espaço foi levado às telas grandes em 1998 sem lembrar em quase nada o antigo seriado, a não ser pelos nomes dos personagens.


Vídeos | Compre o DVD

InfanTV


0 comentários:

Postar um comentário


Ta ficando velho... Hein!!!

Meu Amigo(a), você que fez parte da geração anos 70, 80 e 90, não deixe que nossas lembranças sejam esquecidas!!!

Clique Aqui e Indique/Recomende este Site para seus Amigos(as), e deixe que eles também voltem ao passado e se divirtam!!!

Gostou dessas Lembranças? Então "Clique Aqui" e comente, deixe seu Recado no nosso Livro de Visitas.


Custom Search