<<< Ta ficando velho... Hein!!! <<< Meu Amigo(a), você que fez parte da geração anos 2000, 90, 80, 70... não deixe que nossas lembranças sejam esquecidas!!! <<< Indique/Recomende este Site para seus Amigos(as), e deixe que eles também voltem ao passado e se divirtam!!! <<< Participe de nosso Fórum de discussão, em nosso Site/Comunidade no Facebook postando suas fotos e vamos relembrar, com outros internautas, nossas lembranças!!! <<< Assine também nosso Livro de Visitas e deixe seu Recado. <<< BOA NAVEGAÇÂO !!!

Vamos relembrar: Armação Ilimitada, Agente G, Arca de Noé, Arrelia, Balão Mágico, Bambalalão, Bozo, Capitão Furacão, Casa de Brinquedo, Capitão Aza, Cocoricó, Cometa Alegria, Curumim, Crush, Comandos em Ação, Circo Bombril, Do Ré Mi Fá Sol Lá Simony, Domingo no Parque, Doutor Cacareco, Falcon, Fuzarca & Torresmo, Garoto Juca, Gente Inocente, Gincana Kibon, Globinho, Globo Cor Especial, Gurilândia, Propaganda do " meu 1º sutiã ", Clube da Criança, Pirucóptero, Amendocrem, Biscoitos Monstrinhos Creck, Grupo Metrô, Hugo Game, Ciclone, Magazine, Lupu Limpim Clapla Topo, Mariane, João Penca e seus Miquinhos Amestrados, Ferrugem, Aracy de Almeida, Palhaços Atchim e Espirro, Cometa Halley, Álbuns de figurinhas do Amar é, Revistas de pintar com água, He-man, Thundercats, Viva Noite, Fofão, Jaspion, Changeman, Espectroman, Jiraiya, Sharivan, Sinhozinho Malta, Chips, Filmes do Jerry Lewis, Tênis M2000, Montreal, Ki-Chute, Iate, OP, Cairê, Mini-engradados de Coca Cola, Caloi 10, Canetas de 10 cores, Ferrorama, Autorama, PogoBall, Geleca, Creme Rugol, Loira do banheiro no Colégio, Glub Glub, Plunct Plact Zuum, Rá Tim Bum, Zas-Trás, Topo Gigio, Show Maravilha, Teatrinho Trol, Tia Gladys, Tv Colosso, Uni Duni Tê, Vila Sésamo, Xou da Xuxa, Turma dos Sete, ZYB Bom, etc...

contatootempopassa@gmail.com | facebook.com/otempopassa | instagram.com/otempopassa

4 de abr de 2010


30 de maio de 1994 — A guerra no Timor-Leste

Jornal do Brasil: Timor-Leste

O linguista Noam Chomsky defendeu o direito à independência da ex-colônia portuguesa Timor-Leste durante um jantar beneficente realizado no castelo São Jorge, em Lisboa. O país ocupa a parte oriental da ilha de Timor, entre a Indonésia e a Austrália.

Mal Portugal se retirou em 1975, depois de 500 anos de colonização, o Timor-Leste foi invadido pela vizinha Indonésia, armada pelos Estados Unidos. A partir de então os timorenses passaram a viver sob a ditadura sangrenta do general Suharto.

A base do conflito foi o tratado de exploração de petróleo do Timor Gap, assinado entre a Indonésia e a Austrália. O mar do Timor é riquíssimo em petróleo apesar de a população viver em extrema pobreza.

Chomsky elogiou a coragem de dois jornalistas que registraram o massacre do cemitério de Santa Cruz, na capital Díli, em que as tropas da Indonésia assassinaram centenas de timorenses. Pela primeira vez em 20 anos a causa da independência de Timor e a denúncia do genocídio contra o povo de Timor-Leste foi divulgada para além das fronteiras do país.

O linguista condenou o silêncio da comunidade internacional em relação ao que ele considerou como um dos maiores genocídios deste século. Segundo Chomsky, a Indonésia dizimou, ao longo de 19 anos, por fome, medo ou barbárie 350 mil pessoas. "Propocionalmente mais do que Pol Pot matou no Camboja". A população fugiu para as montanhas e resistiu à dominação mesmo depois da prisão do líder guerrilheiro, o poeta e ex-operário Xanana Gusmão.

Entretanto, a visita do Papa João Paulo II ao país em 1989 deu novo ânimo à luta pela liberdade. A causa do Timor-Leste teve nova repercussão e reconhecimento mundial com a atribuição do Prêmio Nobel da Paz ao bispo Carlos Ximenes Belo e a José Ramos Horta em outubro de 1996. No ano seguinte o presidente sul-africano Nelson Mandela visitaria Xanana Gusmão, na prisão.

Primeiro país a surgir no século 21
O desfecho do conflito veio com a crise na economia da Ásia, que afetou duramente a Indonésia e motivou a queda, em 1998 do regime militar de Suharto. O seu sucessor, Ahmad Badawi, promoveu a abertura política no país.

O caminho para a independência foi aberto em agosto de 1999, quando a maioria dos timorenses compareceu às urnas para votar pela separação da Indonésia, mesmo sob ameaça de grupos de milícias contrários à divisão. Em represália, os milicianos, com o apoio da Indonésia, empreenderam um banho de sangue com incêndios, pilhagens e assassinatos, que só terminaram com a intervenção das forças armadas das Nações Unidas.

A independência foi finalmente conquistada em 2002 e o Timo-Leste tornou-se o primeiro país a nascer no século 21.


0 comentários:

Postar um comentário


Ta ficando velho... Hein!!!

Meu Amigo(a), você que fez parte da geração anos 70, 80 e 90, não deixe que nossas lembranças sejam esquecidas!!!

Clique Aqui e Indique/Recomende este Site para seus Amigos(as), e deixe que eles também voltem ao passado e se divirtam!!!

Gostou dessas Lembranças? Então "Clique Aqui" e comente, deixe seu Recado no nosso Livro de Visitas.


Custom Search